Marketing digital para pequenas empresas

Marketing digital para pequenas empresas

Por Larissa Poma

Poderíamos começar este artigo dizendo que a Internet mudou radicalmente a forma como nos relacionamos com as pessoas – e isso inclui o relacionamento com os nossos clientes -, mas se você acessa a Internet diariamente e acompanha nossas publicações, já deve ter percebido isso, não é mesmo?

Os conteúdos da Recriativi estão presentes no Instagram, no Facebook, no LinkedIn e no nosso site corporativo, provando que em casa de ferreiro, o espeto não é de pau. Afinal, só aconselhamos nossos clientes, parceiros e seguidores a implementar ações que já testamos e sabemos que dão resultado.

O marketing digital para pequenas empresas é uma daquelas “tendências” que se tornaram realidade e, pelo visto, terá uma longa vida no mundo da Internet e das redes sociais, mas muitas pessoas ainda se questionam se vale a pena estar presente no ambiente digital.

Vamos esclarecer a seguir 6 dúvidas sobre marketing digital para que você possa tirar suas próprias conclusões.

1. Preciso ter muito dinheiro para começar a investir em marketing digital?
Quando o assunto é dinheiro, sabemos que o “pouco” e o “muito” são bastante relativos, mas podemos dizer que o investimento é relativamente baixo, e em alguns casos, pode até ser nulo.
Isso porque qualquer pessoa que tenha familiaridade com o Facebook, por exemplo, pode criar imediatamente uma fanpage e começar a divulgar seus produtos e serviços neste canal.
Claro que o ideal é criar um plano de marketing digital com a ajuda de quem conhece as melhores estratégias de acordo com cada tipo de negócio. Ainda assim, é possível contratar profissionais e empresas sem que você precise estourar seu orçamento.

2. Mesmo com baixo orçamento, consigo alcançar bons resultados?
Sim! Não é necessário investir muito para obter retorno com o marketing digital. Basta usar as ferramentas disponíveis, de forma estratégica, que você vai perceber ótimos resultados num curto espaço de tempo.
Mas lembre-se de que não existem milagres. Estar presente no mundo digital, como sempre ressaltamos por aqui, exige esforço, tempo e regularidade. Não adianta fazer um site, uma fanpage, abrir uma conta no Instagram e um canal no YouTube e não estar constantemente alimentando esses canais.

3. Como funciona a atração de clientes no marketing digital?
Potenciais clientes chegam até você por meio de busca orgânica no Google, e-mail marketing, conteúdos relevantes em suas redes sociais, anúncios pagos no Google, Facebook e outros.
Uma coisa é certa: sem produzir conteúdo interessante, atualmente fica muito difícil conquistar audiência e manter as pessoas engajadas. Já falamos disso aqui em nosso artigo Como construir autoridade na internet com produção de conteúdo. Vale a pena ler ou reler.

4. É possível medir resultados obtidos?
Sim. Os resultados podem ser medidos detalhadamente de acordo com cada uma das estratégias de marketing digital definidas para o seu negócio.
O Facebook e o Google contam com ferramentas de fácil utilização que possibilitam verificar o nível de engajamento, a taxa de conversão, o alcance de suas publicações, entre outros indicadores.
Além disso, se você optar pela terceirização deste serviço, o profissional ou a empresa responsável pelo marketing digital do seu negócio apresentará relatórios periodicamente para que você mesmo possa verificar os resultados das ações de marketing em relação às vendas.

5. Posso segmentar o meu público-alvo com o marketing digital?
Não só pode, como deve! Uma das vantagens do mundo digital é justamente esta: você pode falar somente com quem se interessa pelo que você tem a oferecer.
Para converter leads em clientes, você precisa conquistar engajamento. Assim, você não se torna inconveniente com quem não tem nada a ver com seu produto ou serviço, e fortalece o relacionamento com sua audiência.

6. Devo contratar uma agência de marketing digital ou faço tudo sozinho?
A Internet está cheia de artigos, vídeos e manuais que ensinam a implementar estratégias de marketing digital, mas talvez este não seja o melhor caminho e nós já falamos disso por aqui também.
Você pode encontrar mais detalhes no artigo Por que contratar uma agência de marketing digital. Dê uma conferida!

Por onde eu começo?

Sim, nós sabemos que mesmo com todas essas informações, ainda fica aquela dúvida: por onde eu devo começar?
Que tal conversar com alguém que conheça bem o mercado digital? Pode ser um amigo, um colaborador, um parceiro de negócio ou um profissional da área.

Só não espere muito, pois certamente seus concorrentes já estão aproveitando todas as vantagens do marketing digital e há muitos potenciais clientes ávidos pelos conteúdos relevantes, produtos e serviços que seu negócio tem a oferecer.
E se você já está navegando neste oceano repleto de possibilidades que é o marketing digital, conte pra gente como tem sido sua experiência. Vamos adorar saber!

Por Larissa Poma

Poderíamos começar este artigo dizendo que a Internet mudou radicalmente a forma como nos relacionamos com as pessoas – e isso inclui o relacionamento com os nossos clientes -, mas se você acessa a Internet diariamente e acompanha nossas publicações, já deve ter percebido isso, não é mesmo?

Os conteúdos da Recriativi estão presentes no Instagram, no Facebook, no LinkedIn e no nosso site corporativo, provando que em casa de ferreiro, o espeto não é de pau. Afinal, só aconselhamos nossos clientes, parceiros e seguidores a implementar ações que já testamos e sabemos que dão resultado.

O marketing digital para pequenas empresas é uma daquelas “tendências” que se tornaram realidade e, pelo visto, terá uma longa vida no mundo da Internet e das redes sociais, mas muitas pessoas ainda se questionam se vale a pena estar presente no ambiente digital.

Vamos esclarecer a seguir 6 dúvidas sobre marketing digital para que você possa tirar suas próprias conclusões.

1. Preciso ter muito dinheiro para começar a investir em marketing digital?
Quando o assunto é dinheiro, sabemos que o “pouco” e o “muito” são bastante relativos, mas podemos dizer que o investimento é relativamente baixo, e em alguns casos, pode até ser nulo.
Isso porque qualquer pessoa que tenha familiaridade com o Facebook, por exemplo, pode criar imediatamente uma fanpage e começar a divulgar seus produtos e serviços neste canal.
Claro que o ideal é criar um plano de marketing digital com a ajuda de quem conhece as melhores estratégias de acordo com cada tipo de negócio. Ainda assim, é possível contratar profissionais e empresas sem que você precise estourar seu orçamento.

2. Mesmo com baixo orçamento, consigo alcançar bons resultados?
Sim! Não é necessário investir muito para obter retorno com o marketing digital. Basta usar as ferramentas disponíveis, de forma estratégica, que você vai perceber ótimos resultados num curto espaço de tempo.
Mas lembre-se de que não existem milagres. Estar presente no mundo digital, como sempre ressaltamos por aqui, exige esforço, tempo e regularidade. Não adianta fazer um site, uma fanpage, abrir uma conta no Instagram e um canal no YouTube e não estar constantemente alimentando esses canais.

3. Como funciona a atração de clientes no marketing digital?
Potenciais clientes chegam até você por meio de busca orgânica no Google, e-mail marketing, conteúdos relevantes em suas redes sociais, anúncios pagos no Google, Facebook e outros.
Uma coisa é certa: sem produzir conteúdo interessante, atualmente fica muito difícil conquistar audiência e manter as pessoas engajadas. Já falamos disso aqui em nosso artigo Como construir autoridade na internet com produção de conteúdo. Vale a pena ler ou reler.

4. É possível medir resultados obtidos?
Sim. Os resultados podem ser medidos detalhadamente de acordo com cada uma das estratégias de marketing digital definidas para o seu negócio.
O Facebook e o Google contam com ferramentas de fácil utilização que possibilitam verificar o nível de engajamento, a taxa de conversão, o alcance de suas publicações, entre outros indicadores.
Além disso, se você optar pela terceirização deste serviço, o profissional ou a empresa responsável pelo marketing digital do seu negócio apresentará relatórios periodicamente para que você mesmo possa verificar os resultados das ações de marketing em relação às vendas.

5. Posso segmentar o meu público-alvo com o marketing digital?
Não só pode, como deve! Uma das vantagens do mundo digital é justamente esta: você pode falar somente com quem se interessa pelo que você tem a oferecer.
Para converter leads em clientes, você precisa conquistar engajamento. Assim, você não se torna inconveniente com quem não tem nada a ver com seu produto ou serviço, e fortalece o relacionamento com sua audiência.

6. Devo contratar uma agência de marketing digital ou faço tudo sozinho?
A Internet está cheia de artigos, vídeos e manuais que ensinam a implementar estratégias de marketing digital, mas talvez este não seja o melhor caminho e nós já falamos disso por aqui também.
Você pode encontrar mais detalhes no artigo Por que contratar uma agência de marketing digital. Dê uma conferida!

Por onde eu começo?

Sim, nós sabemos que mesmo com todas essas informações, ainda fica aquela dúvida: por onde eu devo começar?
Que tal conversar com alguém que conheça bem o mercado digital? Pode ser um amigo, um colaborador, um parceiro de negócio ou um profissional da área.

Só não espere muito, pois certamente seus concorrentes já estão aproveitando todas as vantagens do marketing digital e há muitos potenciais clientes ávidos pelos conteúdos relevantes, produtos e serviços que seu negócio tem a oferecer.
E se você já está navegando neste oceano repleto de possibilidades que é o marketing digital, conte pra gente como tem sido sua experiência. Vamos adorar saber!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *